Dignou-se estar presente como Convidada de Honra
S. Exa. O Embaixador Revaz Beshidze

Os “Encontros do Mundo em Lisboa – Geórgia” tiveram lugar no dia 3 de Maio, no Internacional Design Hotel, na Rua da Betesga, nº 3, (ao Rossio), em Lisboa.

Foi realizada uma prova de vinhos “Copo de Vinho Georgiano”. A Geórgia reivindica o estatuto de berço mundial do vinho e uma exposição de fotografias com o tema “O caminho Europeu da Geórgia”.
Foi servida ao jantar uma ementa de fusão gastronómica entre as Culturas Portuguesa e Georgiana.

Prova “Copo de Vinho Georgiano”
Na Antiguidade, os habitantes da Geórgia eram também denominados Iberos, que muito confundia os geógrafos antigos, que pensavam que este termo só se aplicava aos habitantes da Península Ibérica.
Os primeiros indícios de vinho foram encontrados até hoje na Geórgia, onde foram descobertos jarros de vinho datados de 8.000 anos.  O vinho georgiano é um ramo fundamental da economia do país.
Na mitologia Grega, a Cólquida era o local do “Velo de Ouro” procurado por Jasão e pelos Argonautas, narrado por Apolónio de Rodes no poema épico “Argonáutica”. 

Tsinandali (Marani) – Vinho Branco da área vinícola de Kakheti, feito das uvas Rkatsiteli e Mtsvane. Tsinandali é fermentado a temperaturas frias e envelhecido durante dois a três anos.
Khvanchkara (Chateau Mukhrani) – Uma variedade de Vinho Tinto semi-doce da região de Racha, Geórgia. Khvanchkara é uma das variedades mais populares e reconhecíveis de vinho semi-doce da Geórgia.
Saperavi (Chateau Mukhrani) - Uma variedade de Vinho Tinto seco com origens na região vinícola de Kakheti. Uma das variedades mais comum, feita das uvas Saperavi.

 

 
 

Para informações adicionais, por favor contactar pelo telefone: +351 91 287 10 44